Le parc

“O abandono” é um pas de deux do terceiro ato de Le parc, obra de Angelin Preljocaj. Criada para a Ópera de Paris, sua estreia aconteceu em 1994.  Eu assisti ao ballet completo, mas não me encantei especialmente por ele, salvo por essa coreografia. Aliás, de tão significativa, ela  é conhecida pelo nome da obra. Pesquisem Le parc e vocês encontrarão esse pas de deux.

Eu poderia dizer que esse é um dos meus pas de deux preferidos, mas, pensando bem, vai além. É uma das minhas coreografias preferidas. Gosto de cada detalhe, é um daqueles momentos em que tudo se encaixa. Assisti tantas vezes que sei vários passos de cor.

Por isso, foi impossível não compartilhar esta fotografia de Aurélie Dupont e Nicolas Le Riche dançando “O abandono”. Apenas uma imagem já me toca profundamente.

“O abandono”, Le parc, Angelin Preljocaj. Aurélie Dupont e Nicolas Le Riche.
Foto: Agathe Poupeney. Fonte: Je pense que je vais etre un tannante.

“O abandono” foi tema de um post em 2012, com o nome de Le parc porque eu ainda não o conhecia devidamente. Não costumo republicar vídeos, tampouco gosto de repetir temas, mas hoje abrirei uma exceção. Porque essa fotografia merece estar acompanhada de sua coreografia.

“O abandono”, Le parc, Angelin Preljocaj. Aurélie Dupont e Manuel Legris, Ópera de Paris.
Trecho do documentário Aurélie Dupont − L’espace d’un instant.

Anúncios

Um comentário sobre “Le parc

Os comentários refletem a opinião das leitoras e dos leitores e não correspondem, necessariamente, à opinião da editora do blog.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s