Tristão e Isolda

Eu sempre me emociono quando o ballet clássico caminha ao lado da ópera. Uma voz assim me arrebata antes mesmo dos bailarinos começarem a dançar. E, neste caso, o pas de deux é lindo!

Pas de deux, “Tristan and Iseult”, coreografia de Arnaud Dreyfus, Mathilde Froustey e Gregory Dominiak.

Fonte: @MFroustey

Anúncios

Os comentários refletem a opinião das leitoras e dos leitores e não correspondem, necessariamente, à opinião da editora do blog.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s