Em ritmo brasileiro

É tão raro encontrar, nos grandes jornais, boas matérias sobre ballet clássico que quando isso acontece é minha obrigação divulgar.

“Thiago Soares, Roberta Marquez, Mariana Gomes, Carla Körbes, Marcelo Gomes. A lista de bailarinos brasileiros que consolidaram suas carreiras em renomadas companhias de dança do exterior não para de crescer.

“Irlan Silva, Vitor Luiz, Daniel Deivison-Oliveira… Seria este um momento especial para a dança do país?

“Há poucas semanas, Carla Körbes, 31, chamou a atenção da crítica norte-americana por sua interpretação no balé “Romeu e Julieta”, ao dançar com os cabelos soltos, de forma leve e segura. Nascida em Porto Alegre, ela mora nos EUA desde os 15 anos e hoje é a principal bailarina do Pacific Northwest Ballet, de Seattle.

“Para Peter Rosenwald, crítico que trabalhou durante 17 anos para o “The Wall Street Journal” e que hoje vive no Brasil, o que mais chama a atenção no trabalho dos brasileiros é a energia. […]”

Katia Calsavara, trecho da matéria “Em ritmo brasileiro”, Folha de S.Paulo, caderno “Ilustrada”, 12 mar. 2013.
O texto completo no portal Folha de S.Paulo, aqui.
O texto completo no site da edição impressa do jornal Folha de S.Paulo, aqui.

Anúncios

3 comentários sobre “Em ritmo brasileiro

  1. Cássia, essa Cássia que eles citam na reportagem é você? Tenho quase certeza que você mencionou em algum momento seus estudos teóricos sobre a dança…

    1. Sarah, essa Cássia não sou eu não, é a Cássia Navas, uma das grandes pesquisadoras brasileiras sobre dança. Eu faço meus estudos teóricos sim, mas estou muito longe de ser pesquisadora ou de conhecer dança como a minha xará. =] E fico feliz que você tenha pensado que sou eu, hehehehe!

      Grande beijo.

  2. Não tem como deixar de sorrir ao ler reportagens assim, não é? Ver “nossos” bailarinos atravessarem oceanos e brilharem em tantos palcos pelo mundo afora. Mostrando que existe qualidade na dança que se produz no Brasil.
    Só espero que o cenário melhore também para os bailarinos que desejarem ficar, que o Brasil seja tão bom pros nossos maravilhosos bailarinos brasileiros quanto os outros países o são.

    Beijos e um abraço apertado.

Os comentários refletem a opinião das leitoras e dos leitores e não correspondem, necessariamente, à opinião da editora do blog.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s