Você sabe terminologia de ballet clássico?

Vocês conseguem imaginar um estudante de música que não sabe a diferença entre tempo e contratempo, ou entre dó e fá? Eu não consigo. E um estudante de ballet clássico que não sabe a diferença entre tendu e jeté, ou entre grand battement e cloche? Eu consigo. Porque eles existem aos montes.

O estudo da técnica clássica tem um propósito, do qual só falarei outro dia. Hoje, o assunto é ainda mais básico: saber o nome dos passos, dos movimentos, das indicações que correspondem ao vocabulário próprio do ballet clássico.

Qual é a diferença básica entre soubresaut, changement e entrechat-quatre? O número de mudanças de pés. É importante saber isso porque, ao ouvir uma indicação de um professor ou ler uma anotação sobre uma coreografia, você saberá o que fazer. Além disso, entenderá o que assistir e ler sobre o assunto sem ficar pensando “Mas qual é esse passo mesmo?”

Claro que esse saber se constrói com o tempo; além disso, ninguém nunca saberá tudo, porque há várias diferenças entre métodos, épocas e países. Mas como sou uma apaixonada pelo estudo, acho isso muito mais motivador do que o contrário.

Há quem não ache a menor graça em se aprofundar, e simplesmente saber que pequeno salto é um salto a poucos centímetros do chão é o suficiente. Não entrarei no mérito. Mas a meu ver, é obrigação dos professores ensinarem terminologia. O que o aluno fará com isso, aí é uma escolha dele.

*

Para quem faz parte da turma que quer aprender, há o excelente The Video Dictionary of Classical Ballet. São dois DVDs, que somam quase cinco horas de vídeo, com todos os passos e movimentos possíveis, inclusive com as diferenças entre alguns métodos. É material de estudo para a vida inteira. A seguir, um trecho para vocês terem uma ideia.

Anúncios

9 comentários sobre “Você sabe terminologia de ballet clássico?

  1. Olá Cássia,eu tenho 17 anos e voltei ao ballet agora e eu me esforço muito nas aulas e treino em casa e tbm estudo muito a terminologia do ballet,minha professora até falou q pra quem começou agora eu evolui muito,mais eu queria saber se com essa idade ainda posso ser bailarina profissional,eu sei que minha pergunta não tem nada a ver com o seu post,mas eu estava desesperada para perguntar. Parabéns pelo seu blog,eu o acompanho desde o ano passado e é incrível,parabéns.

  2. É realmente estranho que isso aconteça, mas tem lugares em que os próprios professores dão pouca importância à terminologia. E aí a pessoa que está interessada tem que se tornar a chata perguntando, mas qual é o nome disso, qual é o nome daquilo. Mas também não é desculpa pra quem quer, pesquisa, chatice e tudo certo, rs. Adorei a dica, vou ver se assisto pra ir me reacostumando com todas as terminologias.
    Beijos.

  3. Eu comecei a dançar tem pouco tempo, mas sinto que preciso mesmo estudar mais a terminologia. Não dá pra ficar em dúvida na hora do passo. Vou procurar esse dvd. Valeu pela dica!

  4. Sabe que eu pretendo colocar esse dicionário lá no blog???
    E cópia do DVD original…

    Mas só fazendo uma pequena correção, que eu saiba são dois DVDs, e não três… Na própria capa do DVD desse link que vc postou da amazon.com fala que são 2 Discos^^.
    Sei que no balletoman aparece como 3 arquivos separados, mas isso se deve a organização dos arquivos do DVD original. É meio complicado pra explicar, mas é como se eles dividissem o DVD em 2 partes, e quando a pessoa encodou o vídeo, ele não conseguiu colocar em um único arquivo.
    Há um “problema” semelhante no DVD da Bela Adormecida do Kirov de 89. Quando coloco em algum programa pra transformar em avi, ele fala que tem dois vídeos: no primeiro o ballet vai até o final do segundo ato, e no segundo tem o terceiro ato completo. Lembro até que na primeira vez que eu baixei essa versão desse ballet em avi eu fiquei P da vida, pq levei semanas (na época) pra baixar aquele vídeo e ia justamente até o final do segundo ato. Imagina a raiva que eu fiquei….

    Mas enfim… O certo são 2, e não 3 discos.
    http://www.kultur.com/PhotoGallery.asp?ProductCode=D1100

    Bjocas, e please, não me interprete mal…

    1. Julimel, eu entendi errado porque quando vi “2 disc set” na capa do DVD 1, pensei que fossem os dois primeiros juntos. E como baixei pelo Balletoman, também pensei que eram três por conta disso que você comentou. Vou corrigir o post. Eu não interpreto mal nenhuma correção, desde que seja feita delicamente e com educação, como você acabou de fazer. =)

      Grande beijo.

    2. Eu havia pedido pra não interpretar mal por conta de um comentário que fiz num dos posts sobre sua visita à SP Cia de Dança, onde eu cito a autoria da coreografia do Quebra-Nozes. Pela resposta que vc postou na ocasião, deu a entender que eu quero ser sempre metida a saber de td, a dona da verdade ou algo parecido, e essa não foi a minha intensão, até pq eu pedi desculpas pela minha colocação.
      Procuro ser delicada e educada ao escrever, mas nem sempre conseguimos fazer com que as pessoas entendam o que queremos passar através das palavras… é uma pena!

      Mas voltando ao assunto dos DVDs, a estrutura deles é mais ou menos assim:
      O DVD é formado por 3 tipos básicos de arquivo: .bup, .ifo e .vob
      Os Vobs geralmente são grandes e contém o filme principal e extras. Os ifos e bups organizam todos os arquivos presentes no DVD fazendo com que eles sejam reproduzidos da forma correta. Geralmente, a ordem padrão de reprodução costuma ser: avisos de direitos autorais, vinheta da empresa que produziu o DVD e menu principal, a partir do qual vc pode ir para o filme principal, seleção de cenas, extras e o que mais tiver dentro do disco. Outra função desses dois arquivos é fazer com que aqueles arquivos de 1 gb sejam reproduzidos linearmente, sem que ele pule ou pare na transição de um arquivo para outro.

      Agora eu vou mostrar pra vc o que aconteceu na hr que a pessoa tentou encodar os DVDs em avi. A estrutura completa é mais ou menos assim:

      VIDEO_TS.BUP
      VIDEO_TS.IFO
      VIDEO_TS.VOB

      Esse primeiro trio de arquivos é responsável pela reprodução do DVD completo. Quando vc baixar um vídeo em formato de DVD, basta clicar nesse arquivo com a extensão ifo e ele vai abrir o DVD no computador como se estivesse em um aparelho de reprodução comum.

      VTS_01_0.BUP
      VTS_01_0.IFO
      VTS_01_0.VOB

      Esse segundo trio de arquivos representa o menu do DVD. Se vc clicar na extensão vob desse arquivo com essa nomenclatura, vc vai ver toda a estrutura do menu. Geralmente quando é menu estático, que só tem textos, o arquivo passa muito rápido e vc quase não vê nada nesse modo de exibição. Já quando o menu tem videos e sons, ele passa de forma mais lenta. no caso no ritmo normal. Porém quando vc clica na extensão ifo desse trio de arquivos, ele já inicia o filme sem passar pelo menu principal.

      VTS_01_1.VOB
      VTS_01_2.VOB
      VTS_01_3.VOB
      VTS_01_4.VOB
      VTS_01_5.VOB

      Já esse conjunto de arquivos formam o filme principal.

      Quando o DVD acaba dividindo o filme principal em dois, como é o caso da Bela do Kirov de 89 e desse do Vídeo Dicionário, vc tem uma segunda estrutura nomeada como VTS_02.

      VTS_02_0.BUP
      VTS_02_0.IFO
      VTS_02_0.VOB

      VTS_02_1.VOB
      VTS_02_2.VOB
      VTS_02_3.VOB
      VTS_02_4.VOB
      VTS_02_5.VOB

      Quando isso acontece, o programa que transforma os vídeos reconhece o DVD com dois vídeos como sendo independentes, mas que na realidade, formam um único filme.

      A explicação foi um pouco longa, mas só assim pra entender mesmo a mecânica da coisa…

    3. Cassia, que DVD maravilhoso!!!
      Mal posso esperar pra baixar!!! Estou assistindo no balletoman e é simplesmente incrível!!!

  5. Não sei como estudar ballet clássico sem estudar terminologia! sou professora, e começamos a dar terminologia clássica no babyclass! se não tem terminologia, não há ballet!

Os comentários refletem a opinião das leitoras e dos leitores e não correspondem, necessariamente, à opinião da editora do blog.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s