O grand pas de deux das fitas

Vamos começar a semana com um dos grand pas de deux mais delicados do ballet clássico? Ele consegue ser uma graça e, ao mesmo tempo, ser tão emocionante no momento das fitas. Sem falar na Lise mais Lise de todas: a Marianela Nuñez.

Lindo é pouco.

Grand pas de deux, La fille mal gardèe, Royal Ballet, 2005.
Carlos Acosta e Marianela Nuñez.

ATUALIZAÇÃO: O grand pas de deux das fitas é outro, mas o vídeo que eu havia publicado foi apagado. Como o meu casal preferido desse ballet é formado pelo Carlos Acosta e pela Marianela Nuñez, preferi publicar esse pas de deux. Quem quiser assistir ao grand pas de deux das fitas, mas com a Roberta Marquez e o Steven McRae, aqui.

Anúncios

2 comentários sobre “O grand pas de deux das fitas

  1. Ah, como é liindo esse pas de deux.
    Cássia, ontem fiquei sabendo que vou dançar a varição La fille mal gardèe (versão cubana), estou muuito feliz com isso. E gostaria da sua ajuda com algum post ou email com dicas sobre essa variação. Muuuito obrigada! Amoo o blog! Beeijo : x

  2. Nunca deixo de ficar surpresa de como a Marianela é cheia de graça em papéis delicados, e ao mesmo tempo, faz uma Myrtha tão malvada e convincente. É uma artista completa mesmo!
    Pas de deux lindo lindo!

Os comentários refletem a opinião das leitoras e dos leitores e não correspondem, necessariamente, à opinião da editora do blog.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s