Myrtha e as wilis (2)

Publiquei um vídeo da entrada das willis aqui, mas este é ainda melhor. Primeiro, pela Myrtha da Marianela Nuñez; depois, pela sequência mais linda do corpo de baile, a partir de 6’54”.

O meu amor por Giselle só cresce.

*
Depois de assistir e se emocionar, é hora de estudar: na sequência de arabesques, prestem atenção na bailarina que não consegue sustentar a perna. Que agonia!

Anúncios

10 comentários sobre “Myrtha e as wilis (2)

  1. Que lindo!!! Também considero Gisele uma obra de arte!!! Um dos meus preferidos!!!
    Cássia, parabéns pelo blog!!! Sou uma bailarina frustrada, parei de dançar muito cedo e não dei continuidade, mas adoro ver espetáculos e sacio minha paixão dessa forma!!!
    Não permite não ter arte na minha vida, depois do ballet, fui pra música, artesanato, arquitetura…

    Já salvei o blog nos meus favoritos!!!
    Beijinhos!!!

    1. Aline, nada de ser bailarina frustrada. Se não há mais como ser profissional, você pode voltar a dançar. Pense nisso. ;)

      Grande beijo.

    1. Priscila, eu publiquei esse vídeo no Facebook (graças ao seu link!). Choreeeeeei quando assisti! É realmente emocionante ver como o ballet está em todos os lugares e, mais ainda, transforma a vida das pessoas. Obrigada por ter compartilhado.

      Grande beijo.

  2. Já disse um milhão de vezes de como eu amo esse ballet , simplesmente adoro!
    E é incrível que é só começar a reparar na parte técnica que a gente começa ver várias coisinhas que passam desapercebidas, como a bailarina que desce do equilibrio antes do tempo, aquelas que se atrasam, entre as outras coisas que já foram comentadas.

  3. Oi Cássia, td bem?

    Esse ballet realmente é muito lindo, técnico e triste, pelo menos eu acho!

    Qto à falta de sustentação, eu já tinha percebido (e o mais engraçado é que se percebermos, sempre que há, no corpo de baile, um arabesque coletivo, tem alguém que não consegue sustentar a perna), mas outra coisa eu pude perceber tb, no 2’12” as duas bailarinas estão executando os movimentos no centro do palco. Elas estão fazendo de formas “diferentes”. Uma delas faz o petite battement na ponta e a outra não! Eu não havia percebido isso qdo assistir ao ballet, só vi agora!

    Que qq maneira isso não tinha o brilho e a magnitude desse ballet!

    Abraços e a todas e todos e boa semana!

    =D

  4. Giselle é um ballet mágico,,, e ao mesmo tempo, super hiper ultra mega técnico e difícil. O corpo de baile está impecável neste video e a Marianela maravilhosa…. Bjus e bom inicio de semana

  5. Nossa, Giselle é meu ballet preferido e a Marianela é a minha bailarina preferida!
    Adoooro esse vídeo!
    a sustentação de perna é incrível mesmo :O

  6. E o meu amor pela Marianela só cresce também.

    Sabe uma coisa que me ocorreu?
    Tem algum motivo pra Myrtha ser a rainha, ou é só porque “tinha que ter” uma?

    Beijocas!!

Os comentários refletem a opinião das leitoras e dos leitores e não correspondem, necessariamente, à opinião da editora do blog.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s