Billy Elliot

É raro encontrar uma apaixonada por dança que não tenha assistido a Billy Elliot. A história do menino que trocou o boxe pelo ballet clássico.

Eu tenho duas cenas preferidas. A primeira, quando ele dança para o pai. Posso assistir ao filme um milhão de vezes, meus olhos sempre marejam. E a cena final. Aí eu choro mesmo, fico emocionada só de lembrar.

Há tantos significados e encantos nessa história que não caberiam em um post. Para rever ou assistir pela primeira vez.

Billy Elliot também é um musical. Quem quiser saber mais, clique aqui.

Anúncios

11 comentários sobre “Billy Elliot

  1. Estou amando seu blog. Tenho 25 anos e comecei a fazer ballet agora…estou na quinta aula. E chegando agora nesse post, me identifiquei…larguei o boxe que eu praticava ha quase 2 anos, joguei tudo pro alto e fui fazer ballet. Esrou amando! Confesso que tenho problemas com postura e pernas por ser completamente o oposto do boxe, mas to amando. E recomendo muito pra esquecer um pouco dos problemas do cotidiano.
    Parabens, seu blog é muito bacana!

  2. Oi Cassinhaaa!!!

    Depois que lí esse post, fui correndo saber onde encontrar esse filme, nunca tinha assistido, e finalmente consegui…rs
    O Filme é lindo demais, chorei bastante, a história de vida dele é emocionante, vale muito a pena, pra nos inspirarmos na dedicação e força de vontade do Billy, diante das circunstâncias adversas, que muitas vezes acontece com a gente tbm!!!
    ;)
    Bjuu Bailarinas

    1. Pri, que bacana que você assistiu ao filme! E aquele final, quando começa a tocar O lago dos cisnes, nooooossa… Arrepia a gente! É mesmo um filme inspirador.

      Grande beijo.

  3. Oi Cássia!
    Belíssimo o trabalho que você vem realizando com esse blog.Parabéns mesmo!
    Billy Elliot é mesmo um lindo filme,me emociono toda vez que o vejo.
    Queria pedir para que falasse das bailarinas que pararam de dançar por uma lesão ou algo do gênero…
    Sucesso com sua dança.
    Um beijo =*

    1. Fernanda, gostei da ideia! Mas você quer saber sobre bailarinas que pararam de dançar de vez ou que ficaram afastadas por conta de uma lesão muito séria? Vou pesquisar sobre elas e farei um post, pode deixar. ;)

      Grande beijo.

  4. Cassinha queridaaaaaaaaaaaaa!

    Acredita q eu nunca vi este filme?snif… snif…
    Mas já estou me preparando para assisti-lo!!!
    Beijocas com saudade!

  5. Cássia,
    Também me emociono, todas as vezes que assisto. A primeira vez que eu vi, ainda não fazia ballet, mas a minha frustração por não ser bailarina pesava ainda mais… chorei muito na cena que ele dança para o pai. E expressão da raiva dele naquela cena, sendo colocada para fora por meio da dança me emociona muito. (nossa, só de lembrar estou arrepiada)
    A cena final é a expressão do sonho de qualquer bailarino, por isso é tão emocionante. É o ponto máximo… quando começa a música e ele entra em cena… o filme inteiro corre na cabeça e você pensa, valeu a pena!
    Beijos
    lelê

Os comentários refletem a opinião das leitoras e dos leitores e não correspondem, necessariamente, à opinião da editora do blog.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s