Qual você escolheria?

Se pudesse escolher, qual passo seria realizado com perfeição? Só um, dentre os tantos possíveis no ballet clássico.

Eu escolheria o grand jeté.

Paquita, terceira variação, Cynthia Harvey, American Ballet Theatre.

A questão é conseguir isso sem ter força nas pernas, tampouco uma abertura de 180º. Quem sabe um dia…

 

Anúncios

21 comentários sobre “Qual você escolheria?

  1. Eu gostaria de não sentir tanto medo da aula de ponta. É um novo mundo, ainda mais agora que estou me recuperando de uma fratura no meu pé. :/

    1. Natalie, tenha calma, porque é normal sentir medo depois de você ter fratura o pé. Uma amiga minha, também bailarina, ficou com receio de dançar depois de uma lesão em decorrência de um pequeno salto. Tenha paciência, não se obrigue, faça aos poucos. Com o tempo, o seu medo passará e você fará suas aulas de ponta sem receio. ;)

      Grande beijo.

  2. fouettes igual a isabella rodrigues, se você nunca viu ela dançando VOCÊ TEEEEEEM QUE VER O CORSÁRIO ISABELLA RODRIGUES CODA
    VEEEJAM! é de babar

  3. Ganhou mais uma admiradora do blog! Comecei a dançar aos 18, parei aos 19, e quero voltar agora, quase aos 21! Vc super incentivou!!!

  4. Vcs acreditam que eu finalmente me matriculei no ballet, e que foi por causa da Cássia??? Pois é, podem acreditar…

    Tenho 26 anos e quando criança tinha muita vontade de fazer ballet, mas minha mãe meio que “apagou” essa minha vontade… E por acaso encontrei este blog na net, e então descobri que meu sonho ainda era possível… :)

    Minha primeira aula será amanhã, mas no fim-de-semana eu já corri pra uma loja de artigo de danças e comprei collant, saia, meia rosa, sapatilha rosa… até faixa pro cabelo eu comprei…

    Estou super hiper mega blaster empolgada… e feliz! Amo dançar e tenho certeza que me sairei bem nas aulas, apesar do meu alongamento ZERO… rs

    Obrigada Cássia, de coração!

  5. Ah!! Cássia, com é bom vir aqui…A gente pode tudo…rs
    Eu com certeza faria o Sissone, estou aprendendo ele agora, e AMEI!!! Como é gostoso, a gente quase voa…rs
    Não preciso nem dizer que não tô nem 10% do que gostaria né?!!! mas eu chego lá!! E farei um Sissone Lindo e Perfeito, e daí posto aqui pra vcs verem ok?!!!…rs

    Bjuu pra todas!!!

  6. Acho que eu gostaria de fazer com perfeição pirouette en attitude deriére, sur la pointe of course ;-)
    Acho extremamente difícil, em especial aquela em que você faz lentamente. Dupla seria mais emocionante.
    Estou treinando. Na próxima encarnação eu consigo.

    [ ]’s

  7. Hum, difícil dizer um só, mas acho que o grand jeté vem em primeiro na minha lista e em segundo lugar vem o sissone que a Tays colocou, são os meus favoritos rs.

  8. Acabei de descobrir seu blog e estou apaixonada!!
    Muito leal mesmo.
    tenho 36 anos e comecei a fazer ballet em fevereiro, não faz nem um mês e estou amando as aulas.
    Estou muito no começo e ainda nem sei os nomes dos movimentos. Por enquanto minha maior preocupação é fazer as coisas mais básicas mesmo rsrsrs
    Seu blog tem um mar de informações, gostei muito, já está entre meus favoritos
    bj
    Jac

  9. Pra mim acho que não seria um passo apenas, mas uma sequência, uma velocidade, uma qualidade de movimento…
    Cássia, tudo isso é uma questão de construir no corpo, não vem de repente, mas em anos contínuos de estudo. Se não me engano só fui aprender ‘grand jeté’ no sétimo ano do ballet (de um curso regular). Antes dele vc aprenderá o ‘saut de cheval’, que é mais fácil, por incrível que pareça.
    Mas tem exercícios preparatórios para as etapas ficarem mais assimiláveis.
    Pessoalmente acredito que ele nasce da primeira força que fazemos no chão, desde a barra, passando pelo tendu até o final da aula. Como no método “Kumon”, tudo é construído aos poucos, como uma escada de conhecimento corporal. Em breve as peças vão se encaixando e tudo fica mais possível de realizar.
    Daí vc vai se preocupar em querer fazer 4 seguidos… rsrsrs
    Beijão, Ana (do ballet adulto)

  10. Bem, é dificil escolher um… é verdadeiramente o grand jeté está em minha lista, mas acho que eu escolheria o fouetté, acho um dos movimentos mais LINDOS!
    Fazer várias piruetas, sem perder o equilibrio e ainda quando terminasse uma pose impecável!!!
    LINDO, LINDO E LINDO!!!

    Beijos ;D

  11. (Gostei desta variação ;) )

    É verdade, é difícil escolher UM entre tantos outros que precisam de muito trabalho e dedicação para conseguir sair perfeito.

    O grand jeté pode ser um deles, mas para mim é o tour piqué! Eu admiro imenso quem consegue fazer uma série de tour piqués seguidos, sem uma única pausa! É necessário muita força, equilibrio, e precisão!

  12. Não sei Cássia, nunca pensei muito sobre isso. Na verdade, são tantas coisas que quero executar, mas ainda sinto dificuldade nas coisas mais básicas. Mesmo!
    Se algum dia passar a desejar muito fazer algo, posto aqui.
    Beijos
    lelê

  13. Nossa Cássia,

    Meu sonho de balilarina é fazer um sissone perfeito !!! Igual da Carolina Aguero….

    Pra isso Abertura de 360º hahaha e muitaaaaaaaa força na perna…!!!!

    bjs…^^

Os comentários refletem a opinião das leitoras e dos leitores e não correspondem, necessariamente, à opinião da editora do blog.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s